Login to your account

Username *
Password *
Remember Me

Create an account

Fields marked with an asterisk (*) are required.
Name *
Username *
Password *
Verify password *
Email *
Verify email *
Captcha *
Reload Captcha
Imagem Do Topo

Maré alta na praia do Icaraí gera transtornos e preocupa moradores e comerciantes

O drama da população que reside, trabalha e trafega pela praia do Icaraí, em Caucaia, continua. Ao longo da avenida Litorânea, que acompanha a orla, é possível observar os diversos pontos de erosão do asfalto provocados pelo avanço contante do mar, que assusta moradores e causa prejuízos ao comércio local. 

Na madrugada desta quarta-feira (20), a força da maré continuou causando destruição. Para o síndico Fernando Bastos, que mora e trabalha em frente à praia, "hoje foi quase tudo a baixo". Ele relata que a Prefeitura de Caucaia faz obras "paliativas" no local com pouca efetividade, colocando blocos de concentro para tentar diminuir a ação das ondas mas o "mar está batendo e derrubando".

Em nota, a prefeitura informou que "aciona a empresa responsável pela manutenção do equipamento (tecnicamente chamado de Big Bag Wall) sempre que necessário. No começo de fevereiro, serviços de recuperação do muro de contenção já foram executados após a forte ressaca do mar registrada no fim de janeiro".

 

Os transtornos estão deixando os moradores do condomínio Santa Isabel "apreensivos". "No nosso condomínio o pessoal está vendendo os apartamentos bem baratinho, com medo, porque (o mar) está quase no muro", relata Fernando Bastos.

A situação não é novidade para a população do Icaraí que, segundo apurado pela reportagem, já existe há pelo menos dez anos. "Uma praia que você via mais de três mestros de areia, hoje não tem mais nada. Acabou tudo", narra o vendedor Rodrigo Albuquerque.

Previsão

"A gente tem uma conjunção de situações em que a maré realmente está mais alta, em específico naquela área do Icaraí (e proximidades) que tem problemas junto à praia, como erosão", relata o capitão dos portos Madson Cardoso Santana. Fatores como a lua cheia e a época do ano contribuem para o fenômeno. Madson Cardoso complementa que "quando isso ocorre, já que aqui no Ceará sempre tem vento mais prolongado, ocorre também um swell".

Segundo informações da Capitania dos Portos do Ceará, a previsão para hoje e os próximos dias para o mar na região do Icaraí é de pancadas ocasionalmente fortes e trovoadas isoladas, além de ventos com rajadas fracas e ondas de um a dois metros de altura. Os dados não caracterizam uma ressaca do mar que, segundo a organização, provoca ondas de três metros ou mais.

A Prefeitura de Caucaia afirma que "deve implementar em março novas medidas de organização do trânsito na região. O processo de aquisição de equipamentos está em licitação. Até lá, qualquer ação será feita por agentes conforme necessidade". Outro projeto para os problemas da orla, ainda sem repasse de mais detalhes, orçado em R$ 28 milhões, está previsto para iniciar em junho.

Avalie este item
(0 votos)

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Nossos Contatos

Entre em contato conosco

WhatsApp - 85 8121-5746

 

ANUNCIE EM NOSSO SITE E APAREÇA DE VERDADE

TEMOS UM ESPAÇO ESPECIAL PARA SEU ANUNCIO

 

Imagens das Postagens

Corpo em estado avançado de decomposição é encontrado em terreno na Av. Bezerra de Menezes

Iniciada licitação da Barra Nova em Caucaia; Mestre Antônio também será requalificado

Idoso passa mal em ponto de ônibus em Fortaleza, é socorrido por motorista e morre em veículo

Secretaria de Administração Penitenciária do CE diz que agente levou grades de celas em Cariré com autorização do órgão

Enel Distribuição Ceará entrega 50 geladeiras em São Gonçalo do Amarante

Até as grades das celas da cadeia pública de Cariré são furtadas

Ambulância com dois pacientes sofre incêndio a caminho do IJF

Chacina em bar deixa 11 mortos em Belém

Ministério Público pede demissão de familiares da prefeita em Boa Viagem

PORTAL METRÓPOLE NEWS © 2018 Todos direitos reservados