Metrópole News

Política

Domingos Neto, o homem que ajudou a trazer o financiamento para as obras urbanas de Caucaia

Domingos Neto, o homem que ajudou a trazer o financiamento para as obras urbanas de Caucaia, é candidato a reeleição a deputado federal

Líder do PSD na Câmara dos Deputados, uma bancada de 42 parlamentares, Domingos Neto é candidato a reeleição e está conhecido como o "Homem de 80 milhões de dólares" por conta do financiamento conseguido com seu empenho junto ao CAF (Banco de Desenvolvimento da América Latina) para a cidade de Caucaia.
 
MN -  Deputado não poderíamos começar a entrevista sem falar que Caucaia foi notícia na imprensa nacional por conta que vocês conseguiram um financiamento no valor de 320 milhões de reais para Caucaia. Como foi esse processo?
 
DOMINGOS NETO - É verdade, viramos notícia no Brasil porque, enquanto muitas cidades do Sudeste estão com o pires na mão pedindo recursos para bancos de fomento, conseguimos um financiamento para mudar a Caucaia. O recurso vem do Banco de Desenvolvimento da América Latina, a CAF, uma instituição que trabalha justamente para desenvolver os nossos grandes municípios. Fortaleza já fez algo semelhante e o prefeito Naumi viu na instituição a confiança necessária para buscar os recursos que Caucaia precisa para que, finalmente, se torne a cidade que a sua população tanto merece. 
 
Em Brasília, eu trabalho também buscando recursos que nossas cidades precisam. Foi assim, que eu colaborei com o prefeito nas reuniões, aprovações dos projetos, nessas etapas que precisavam ser cumpridas para aprovação do projeto. Como Caucaia é uma grande cidade e tem um potencial enorme de se desenvolver em diversas áreas, cumpriu todos os requisitos para o financiamento. Por fim, o Senado Federal deu nesta semana o aval para a liberação do financiamento.
 
 
MN - E o que esperar agora em melhorias para a cidade?
 
DOMINGOS NETO - Muita coisa vai mudar. 66% do financiamento será investido em mobilidade urbana. Serão construídos viadutos, pontes, ciclovias, corredores de tráfego. Várias ruas e avenidas serão requalificadas. O projeto contempla diversas regiões, entre elas, a Sede, o Litoral e a Grande Jurema. Ele resolve vários problemas que uma cidade que cresceu tão rápido como Caucaia tem. E não é só o trânsito. É a urbanização inteira da cidade. Isso reflete na geração de emprego e renda, no turismo, na educação, no futuro e na autoestima da cidade. 
 
MN - Por falar nisso, esses investimentos que estão vindo pra cidade, além das emendas para Infraestrutura e Saúde que você trouxe nos últimos anos geram emprego e melhorias para Caucaia?
 
DOMINGOS NETO - Com certeza! Os recursos que trouxe para os atendimentos de média e baixa complexidade foram essenciais para o prefeito Naumi conseguir realocar recursos na reforma do hospital municipal, que ganhou 26 novos leitos, e na construção das UPAs e UBS que a cidade precisava. Sabemos que a saúde é uma questão delicada para a população. É assim no Brasil todo. Temos consciência que  melhorá-la é um trabalho a longo prazo. A prefeitura começou esses primeiros dois anos fazendo o que todo gestor faz, investido em mais infraestrutura de saúde. 
Quanto às obras, os recursos geram empregos assim que chegam. Uma obra de recuperação de um viaduto, como estamos fazendo no Metropole, já começa de gerando emprego para trabalhadores da construção. Centenas deles serão contratados para as obras. Isso traz renda a médio prazo para trabalhadores que precisavam sair da cidade em busca de emprego. Movimenta o comércio da cidade, que, por sua vez, precisa contratar mais. É um ciclo muito positivo de renda que gera anos. E com as obras prontas, a cidade ganha em diversas áreas, o que realoca esses trabalhadores. Caucaia tem um potencial turístico enorme e tem muito para crescer nesse campo. Só que é preciso, antes, arrumar a casa. Eu ajudo o prefeito Naumi nisso!
 
 
MN - Qual recado o senhor dá para a população de Caucaia que está desacreditada?
 
DOMINGOS NETO - O meu recado é de que toda cidade grande e que cresceu tanto como Caucaia, passa por uma fase de arrumação da casa. É isso que o prefeito vai conseguir fazer com esse financiamento. Fortaleza, por exemplo, conseguiu recursos parecidos e elevou sua autoestima. Por que Caucaia não tem esse mesmo direito? Por que não apoiar a melhoria da cidade? Quero chamar a cada uma, a cada um, que não acredita na mudança que a gente volte a conversar depois que o projeto for executado. Vamos nos reunir em uma cidade bonita, com avenidas amplas, com alternativa de esporte, mobilidade e lazer. Aí a gente vai concordar que era disso que a cidade precisava.
 
 
 
BIOGRAFIA
 
Domingos Gomes de Aguiar Neto é  deputado federal pelo PSD do Ceará. Na política, atende pelo nome de Domingos Neto. Suas raízes estão em Tauá, na região do sertão dos Inhamuns, interior do Ceará.
 
Nasci no dia 29 de abril de 1988 e cresci acompanhando o exemplo dos meus pais, Patrícia Aguiar e Domingos Filho, e da minha irmã Gabi.
 
Estudou no Colégio Militar de Fortaleza e assim que terminou o segundo grau, ingressou no curso de Direito. Hoje, é bacharel em Direito e está concluindo o mestrado em Administração Pública.
 
Em 2010, com 22 anos, disputou sua primeira eleição. Conquistou 246.591 votos pelo PSB, quebrando dois recordes: foi o deputado mais votado da bancada cearense e o mais jovem parlamentar eleito pelo nosso estado.
 
Foi presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Juventude, onde ajudou a aprovar o Estatuto que garantiu o Prouni e a meia-entrada para estudantes.Foi presidente da Comissão de Desenvolvimento Urbano e, depois, da Comissão de Integração Nacional da Câmara. 
 
Foi escolhido para liderar a bancada do Pros, integrou a Comissão de Educação e a de Integração Nacional. Fez parte também das comissões de Turismo e as Especiais do Marco Civil da Internet e da partilha do Pré-sal. Hoje é líder do PSD.
 
Em 2016, casou-se com a sua eterna namorada Lívia. Hoje, é pai do pequeno Tomás, que nasceu no último dia 9.

Página:

http://metropolenewscaucaia.com.br/noticia/politica-/2018/09/13/domingos-neto-o-homem-que-ajudou-a-trazer-o-financiamento-para-as-obras-urbanas-de-caucaia/1284.html